Quarta-feira, 01 de Abril de 2020
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

Marcos Bastinhas e Académicos de Elvas triunfam na Venezuela

O cavaleiro Marcos Bastinhas e os Forcados Académicos de Elvas foram os triunfadores da corrida realizada domingo à noite na cidade venezuelana de Mérida.

17 de Fevereiro de 2010 - 11:39h Notícia por: - Fonte: Antonio Morgado - Visto: 1220
Marcos Bastinhas e Académicos de Elvas triunfam na Venezuela

Do empresário de Marcos Bastinhas recebemos a seguinte noticia sobre o êxito do seu debute em terras de Hugo Chavés:

O cavaleiro Marcos Bastinhas e os Forcados Académicos de Elvas foram os triunfadores da corrida realizada domingo à noite na cidade venezuelana de Mérida, na qual se estrearam em arenas do continente americano.

Marcos Bastinhas cortou a única orelha da noite a um toiro da ganadaria venezuelana de Campo Pequeño que, como os restantes do curro, saiu complicado.

Faena vibrante, emotiva e de grande sabor toureiro é como o site www.burladerdos.com classifica a actuação do jovem cavaleiro português. “Toureando de frente e com temple, o português cravou sempre de alto a baixo, dando todas as vantagens ao toiro”, acrescenta o mesmo site.

Para o site www.mundotoro.com, “O triunfador da noite foi o dinástico Marcos Bastinhas que lidou um toiro forte que cedo buscou refugio em tábuas. O cavaleiro luso enfrentou este exemplar montando com muita classe, entrando sempre de frente. O seu estilo é o de um cavaleiro de classe e de escola. Uma actuação de muito mérito a do português, ante um toiro com forte querença nas tábuas, de donde saia com investidas bruscas e violentas”.

Triunfaram também os Forcados Académicos de Elvas que pegaram os três primeiros toiros à primeira tentativa mas que, para pegarem os restantes, tiveram de repetir as sortes.

“Valentes e firmes, a actuação dos forcados mereceu o respeito dos aficionados que lhes tributaram fortes ovações ao darem a volta à arena com os cavaleiros”, refere o site www.burladerodos.com.

Já o site www.mundotoro.com classifica a actuação dos Académicos de Elvas como “histórica e extraordinária, frente a um curro de toiros que criou muitas dificuldades”.

Perante praça cheia, completaram o cartel os cavaleiros Juan Rafel Retsrepo, colombiano (volta-volta), o mexicano Jorge Hernández Gárate (volta-volta) e os venezuelanos Rafa Rodriguez (volta) e Francisco Javier Rodriguez (volta).

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2020 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a expressa autorização.