" /> " /> " />
Sexta-feira, 21 de Fevereiro de 2020
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

"Chicuelo", o inventor das Chicuelinas

"Chicuelo", o inventor das Chicuelinas, artigo do aficonado José Ferreira.

31 de Agosto de 2010 - 12:20h Notícia por: - Fonte: - Visto: 927

Manuel Jiménez Moreno " Chicuelo " nasceu em 15 de Abril de 1902 em la calle Bétis ( nome que os romanos davam ao rio Guadalquivir ) no bairro de Triana, Sevilha.

Herdou de seu pai, também este matador de toiros, a paixão pela arte, tendo ficado orfão aos cinco anos de idade, tendo sobrevivido e sendo educado por outro toureiro " Zocato " que para além de lhe proporcionar a frequência da instrução primária, o formou como toureiro, dando-lhe muitíssimos ensinamentos que viriam a fazer dele um dos " mas grandes toreros sevilhanos de siempre " e percussor da chamada "Escola Sevilhana" .

Tomou alternativa em Sevilha no dia 28 de Setembro de 1919 e foi seu padrinho Juan Belmonte e testemunha seu irmão Manuel Belmonte, mais tarde confirmou essa mesma alternativa na Monumental de Las Ventas em Madrid no ano de 1920.

Toureou em Espanha e México, sendo adorado pelo público deste último país, onde toureia com o matador mexicano Rodolfo Gaona y Rimenez e efectuou faenas memoráveis com toiros da ganadaria Piedras Negras de Tlexcala, México.

Toureou com as grandes figuras da época de ouro dos matadores de toiros, como Rafael " El Gallo ", Juan Belmonte, Marcial Lalanda, Juan Luis de la Rosa de la Garquen, Joselito " El Gallo" entre outros.

A sua grande e inolvidável faena, foi conseguida em 1928 na Monumental de Las Ventas ao toiro

" Corchaíto " da ganadaria de Alipio Pérez Tabernero, sendo de tal forma empolgante esta faena que aos gritos de torero!, torero! , o público em delírio gesticulava e entre os espectadores havia abraços e beijos.

Foi considerada a faena " mas grande y bela de siempre " jamais vista numa praça de toiros.

Chicuelo foi o inventor do passe hoje conhecido por " Chicuelina " que faz parte da coreografia da lide de um toiro, sendo mais tarde adoptada por outras figuras da arte de tourear..

Foi bastante discreto na sua vida pessoal, fugindo frequentemente da fama e popularidade ao ponto de numa viagem ao México, já com a idade de 60 anos, acompanhando a seu filho, viajava também Gary Cooper no mesmo avião, e ao chegar depararam com um grupo de " Mariachis " cantando na pista do aeroporto, tendo Chicuelo dito a seu filho que esperasse um pouco para que Gary e sua comitiva saísse e enfrentasse a recepção dos jornalistas e dos Mariachis. Quando se dirigiram para a saída depararam com os cantores intrepretando uma " canción " para o grande Chicuelo ao que este de tanta vergonha bradou envergonhado:

-Oh!Oh! Que barbaridad! Que Barbaridad!

Faleceu em 31 de Outubro de 1967.

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2020 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a expressa autorização.