Quinta-feira, 04 de Junho de 2020
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

GFA V.F. de Xira - Começou a Temporada de 2008

Após um curto período de descanso, importante para descansar, reflectir e definir objectivos, retomamos a actividade do nosso Grupo.
06 de Fevereiro de 2008 - 00:00h Notícia por: - Fonte: - Visto: 1053
GFA V.F. de Xira - Começou a Temporada de 2008 Não podíamos ter começado melhor, já que no dia 1 de Fevereiro (Sexta-feira) colaboramos numa entrevista feita à nossa Madrinha, Exma. Sra. D. Maria Vitória pelo muito conhecido e simpático "casal" Rita Ferro Rodrigues e Nuno Graciano, que são os apresentadores do programa CONTACTO transmitido em directo pela televisão SIC.

Foi uma pequena homenagem a quem tem estado sempre ao nosso lado, e que completou no passado dia 24 de Janeiro de 2008, uns bonitos 77 anos de vida.

No dia seguinte (Sábado, dia 2 de Fevereiro) rumamos ao Alentejo, à localidade do Vimieiro. Era dia de se iniciarem os treinos e este ano começamos numa das mais antigas e prestigiadas ganadarias portuguesas - PINTO BARREIROS.

No Monte Branco fomos muito bem recebidos pela família Alves, que nos proporcionaram todas as condições para um treino de sucesso. Não faltaram os cabrestos, factor sempre importante num Grupo que quer continuar a pegar toiros de cernelha.

Outros treinos estão agendados, mas já deu para perceber que vai existir uma grande competição interna, ninguém quer facilitar, será ainda mais difícil fazer as escolhas dos que se fardam e dos que vão saltar à arena para concretizar as pegas.

O nosso Grupo de Forcados tem actualmente um alargado conjunto de elementos jovens, mas já com alguma experiência e muito talento, pelo que trabalhando alguns aspectos técnicos poderemos melhorar ainda mais a qualidade das nossas actuações e atingir mais êxitos em 2008.

No actual panorama taurino em que existe muita oferta de Forcados, desejamos também que o público seja mais exigente e que valorize os verdadeiros Grupos de Forcados.

Existem vários factores que demonstram bem a diferença entre um Grupo de Forcados e um conjunto de pessoas que se vestem de forcados, e não se pode diferenciar apenas pelo facto do toiro ter sido pegado, agarrado ou ter recolhido "vivo" aos currais.

Mas esta fase de maior oferta, também tem as suas vantagens, já que "obriga" os Grupos a trabalhar todos os aspectos, não só dentro da arena como fora dela.

O principal factor negativo que este excesso de oferta tem gerado, é o incremento das chamadas "manobras de bastidores" impedindo que Grupos que atravessam bons momentos de forma sejam naturalmente convidados para actuar em mais corridas.

A todos os aficionados que se deslocam as praças de toiros, queremos dizer que podem contar com toda a nossa dedicação a esta nobre arte e que pretendemos sempre conseguir melhorar as nossas performances de forma a justificar a nossa presença nas corridas de toiros.

Vasco Dotti
Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2020 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a expressa autorização.