Sexta-feira, 19 de Julho de 2019
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

António Prates toma alternartiva em Alcochete

Alternativa concedida por seu pai José Prates
25 de Junho de 2019 - 20:05h Crónica por: - Fonte: Taurodromo.com - Visto: 135
António  Prates toma alternartiva em Alcochete

Praça de toiros de Alcochete, 22 de junho de 2019, corrida inserida nas Festas de São João, com o cartel composto pelos cavaleiros António Telles, Francisco Palha e António Prates, que tomava a alternativa, os Grupos de Forcados Amadores de Coruche e Alcochete e um curro de toiros da Ganadaria alentejana António Charrua.

O novo cavaleiro recebeu a alternativa das mãos de seu pai José Prates, com o testemunho um pouco distantes dos colegas da noite, que depois desejaram felicidades ao novato cavaleiro de 21 anos.

 

Em noite de alternativa coube ao cavaleiro António Prates, lidar o primeiro toiro da noite, de capa colorau, castanho, com o número 37, idade de 4 anos e o peso de 550 quilos.

Depois de ter brindado a lide deste seu primeiro toiro aos pais, deu inicio à lide cravando dois ferros compridos com destaque para o primeiro, que foi muito bom na colocação e  o segundo ficou um pouco descaído.

Na série dos curtos cravou cinco ferros com realce para dois últimos que foram muitos bons. Atuação agradável.

António Telles, lidou o segundo toiro da noite de capa castanha escura, com 4 anos, o número 48 e o peso de 660 quilos.

Na série dos compridos cravou dois ferros , com destaque para o primeiro que foi muito bom, na série dos curtos cravou quatro ferros, alguns de boa nota,mas o destaque vai oara o segundo da noite, que foi o melhor da série. Teve uma atuação bastante agradável.

Francisco Palha, lidou o terceiro toiro da noite com o número 33, o peso de 590 quilos e de capa castanha ou colorau.

Na série dos ferros compridos cravou dois ferros com realce para o primeiro que foi muito bom. Na série dos curtos cravou seis ferros, alguns de boa note, com destaque para os três primeiros e para o último. Atuação de êxito e de grande nível, que muito agradou ao público.

António Telles lidou o quarto toiro de capa castanha escura, com o peso de 615 quilos, com o número 65 e a idade de 4 anos.

Na série dos ferros compridos cravou dois ferros com destaque maior para o segundo que foi um excelente ferro. Na série dos curtos cravou cinco ferros. Destaco oprimeiro, terceiro, quarto e quinto, que foram muitos bons e assim alcançou uma grande atuação nesta corrida ao seu bom nível das últimas corridas.

Francisco Palha, lidou o quinto toiro de capa castanha. Começou a sua lide com a série dos ferros compridos, cravando dois ferros com destaque para o primeiro que foi um grande ferro. Na série dos curtos cravou cinco ferros com realce para o último, que foi o melhor da série, embora tenha cravado bons ferros. Mais uma atuação nível deste cavaleiro.

António Prates, lidou o sexto e último toiro da tarde com o ferro e divisa da ganadaria de Vinhas, de capa salgada, ou cardeño e com o peso de 610 quilos. Deu inicio ao seu labor cravando dois bons ferros compridos, passou para a série dos curtos e cravou quatro ferros de qualidade, sendo o último o melhor de toros. Mais umna atuação muito gradavel nesta tarde em Alcochete.

Nota de apreço para os campinos, que estiveram muito bem na condução e maneio do jogo de cabrestos, na hora de recolherem os toiros no final de cada lide. Pena que por vezes alguns Senhores bandarilheiros, tenham tentado interferir no bom labor dos Campinos, que muito gostei de ver atuar nesta agradável noite toiros em Alcochete.

Em noite de estreia em Alcochete, o ganadeiro Gustavo Charrua, apresentou um curro de toiros de bonita estampa. EStabas muito bem apresentados e cumpriram na generalodade, pelo que propotcioram boas lides aos cavaleiros, rijas pegas aos dois grupos e, agradaram muitos à maioria dos aficionados presentes, que por pouvo nao encheram as bancadas desta castiça praça alcochetana.

Pelo Grupo Amadores de Coruche, pegaram Tiago Gonçalves à 2ª tentativa com uma boa primeira ajuda do cabo José Tomas, depois de ter ficado fora da cara na primeira tentativa. António Tomas executou uma pega rija à 2ª tentativa depois de ter saído da cara após o derrote forte na primeira. Fechou o cabo José Tomás bem à primeira tentativa, com o toiro a levar a cara pelo chão, tendo uma boa reunião junto às tábuas.

Pelo Grupo Amadores de Alcochete foram forcados da cara Manuel Pinto, Manuel Duarte e o António José Cardoso, todos à 1ª tentativa estiveram muito bem no seu desempenho.

Parabéns ao novo cavaleiro de alternariva, a quem desejamos muitas corridas de triunfo, e muitas felicidades,



 



 

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2019 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a expressa autorização.